Pesquisar Este Blog Clique Aqui Ó

Ganhar Dinheiro



segunda-feira, 5 de março de 2012

Cientistas criam “ferro transparente”



A física moderna já conhece a “Transparência Eletromagneticamente Induzida” (EIT, na sigla em inglês), fenômeno pelo qual um objeto fica transparente a partir da incidência de raio laser sobre o núcleo atômico do material. Na última semana, cientistas alemães descobriram que esse efeito pode ser alcançado através de raios-X sobre átomos de ferro, o que em tese cria um “ferro transparente”.
O experimento é relativamente simples. Pesquisadores posicionam duas finíssimas lâminas de ferro isótopo-57, a cerca de 50 nanômetros (um nanômetro é a milionésima parte de um milímetro) uma da outra.
Ambas ficam cercadas por espelhos de platina que têm a função de refratar irradiações. Entre o espelho e a as lâminas de ferro, existem camadas de carbono, que ficam invisíveis devido ao comprimento de onda usado no experimento. A ideia, portanto, é fazer com que o raio-X lançado no sistema rebata continuamente nas lâminas de ferro, incidindo sobre elas. Nesse ponto, acontece o fenômeno: a partir da incidência do raio-X, as lâminas de ferro dão a impressão de desaparecer.
Isso acontece porque os átomos de ferro, colocados desta maneira, operam no que se chama de cavidade ótica. Com isso, refletem e absorvem radiação em exata sincronia, ao contrário do que acontece na natureza. Devido à sincronia, é como se a absorção e a refração se anulassem, por isso a lâmina fica “invisível”.
Essa descoberta trabalha com um princípio básico da física quântica: uma partícula, no caso a de ferro, pode ser considerada com duas condições (visível e transparente) ao mesmo tempo, dependendo da irradiação que incide sobre ela. Os cientistas afirmam que é possível, através da manipulação da luz com raio-X, criar um controle automático que serve para o desenvolvimento da computação quântica.
Se essa ideia for mais trabalhada, conforme explicam os físicos, será possível criar um computador quântico, baseado apenas em princípios da mecânica das partículas. Uma máquina como essa seria muito superior aos computadores que temos atualmente. Mas é claro que ainda há um longo caminho a percorrer para alcançarmos esse objetivo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGAL NÉ? COMENTA AI VAI

comentarios

.