Pesquisar Este Blog Clique Aqui Ó

domingo, 12 de fevereiro de 2012

Intolerância à lactose. Quando o leite dá dor de barriga.

Intolerância à Lactose
Normalmente, o leite é visto como saudável na alimentação. Ele tem proteínas e uma quantidade significativa de cálcio, exigido para a saúde dos ossos.
Mas, é o leite um alimento completo, ideal e bom para qualquer pessoa de qualquer idade?
A resposta é não! Nem sempre o leite é um alimento inofensivo.


O leite, como todos sabem, é um alimento próprio para mamíferos. Todos os mamíferos jovens se alimentam de leite. Afinal, o nome “mamífero” vem da característica que essa espécie de animal tem de nutrir seus filhos com leite materno, durante uma certa época da vida.


No leite, existe um açúcar natural chamado lactose. A lactose é um produto orgânico (dissacarídeo) que para ser aproveitado pelo organismo, precisa ser digerido por uma enzima chamada lactase.


Nos mamíferos jovens, existe sempre uma boa quantidade de lactase fabricada pelo intestino e isso garante que a lactose seja digerida completa e perfeitamente.


Durante o período em que o jovem mamífero está se alimentando com leite, a produção de lactase se mantém alta. Entretanto, quando o filhote é desmamado, a enzima se faz desnecessária, e sua produção vai diminuindo aos poucos, principalmente na fase adulta.


Estamos falando dos mamíferos de forma geral, logo, isso também vale para o ser humano que também é mamífero.


No entanto, a diminuição da quantidade de lactase não acontece da mesma maneira e na mesma intensidade em todas as pessoas. As alterações na taxa da enzima parecem depender do fator hereditário (raça) e também da presença ou não do leite e seus derivados na dieta do indivíduo.


SINTOMAS
Quando uma pessoa com deficiência de lactase consumir leite e seus derivados, seu intestino vai ter dificuldade de digerir a lactose contida nesses produtos. Essa lactose, não sendo digerida, permanece no intestino e é fermentada por bactérias. Essa fermentação produz gases e substâncias químicas que irritam a parede intestinal.


Tudo isso provoca, na pessoa, cólicas intestinais e diarréia, no prazo de algumas horas após o consumo.
Quanto maior for o consumo de lactose, mais intensos serão os sintomas.


PREVENÇÃO
Quando uma pessoa tem intolerância à lactose, a simples suspensão do consumo do leite e seus derivados resolve o problema.
Se a pessoa desejar consumir laticínios, existe uma maneira de prevenir os sintomas mediante a tomada de fermento sintético antes de qualquer ingestão de lactose.


Vale salientar, que alguns derivados do leite, por terem a maior parte da lactose removida por fermentação, podem ser consumidos normalmente, é o caso de alguns iogurtes, de leites fermentados com lactobacilos vivos e de alguns tipos de queijo maturados como o parmesão.Devido ao processo de fabricação, eles acabam ficando com baixo teor de lactose.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGAL NÉ? COMENTA AI VAI

comentarios